Gostou de algum texto? Quer copiar o texto inteiro ou parte dele? Clique e saiba como fazer!

Licença Creative Commons
A obra Vagabond of the Western World de Luciana Alves Bonfim foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Uso Não-Comercial - Obras Derivadas Proibidas 3.0 Não Adaptada.
Com base na obra disponível em dontfearthereaper1981.blogspot.com.

Desejados!!!

sexta-feira, 19 de junho de 2009

Mulheres superpoderosas

Pra começo de história, que fique bem claro que eu não sou feminista, tá? Longe de mim ficar levantando bandeiras preconceituosas contra os gêneros. Por causa disso, sou quase sempre mal compreendida: acho super válido e apóio a luta das mulheres para serem reconhecidas, valorizadas, respeitadas. Fomos consideradas o "sexo frágil" por muito tempo e as feministas de décadas atrás fizeram muito por nós, reconheço.

O que me deixa p da vida é que algumas mulheres que empunham a bandeira feminista ainda acham que vivemos nos anos 50: se você não é feminista, é uma Amélia. Não pode gostar de homem, não pode usar um salto, não pode usar maquiagem. Cabelo longo, então, nem se fala! E aí de você se não sair por aí alardeando que mulher é melhor que homem. É Amélia!

Acho justo mulheres e homens serem tratados como iguais, acho justo que determinadas limitações sejam respeitadas. Só não podemos deixar que essas limitações comprovadas pela ciência sirvam de pretexto para a eternidade da briga dos sexos. Só acho bobeira as mulheres falando que homem não presta e os homens falando que as mulheres não são capazes.

Bom senso sempre, né.

Mas este post é pra falar de uma mulher superpoderosa por várias razões: linda, famosa, rica, desejada, inteligente, crítica, consciente... e ao mesmo tempo mãe e esposa.

A Angelina Jolie ruleia tudo nessa vida, universo e tudo mais. Enquanto a Katie Holmes, que eu tinha tanto em conta por causa de Dawson's Creek, enche o rab... digo, enche um caminhão de brinquedos pra filhinha famosa (linda, por sinal), a Angelina ensina os filhos:

Na quinta-feira (18), Angelina também se emocionou enquanto participava do Dia Mundial do Refugiado em Washington. "Eu costumo explicar para os meus filhos que existem outras famílias no mundo que não tem dinheiro e nem condições como eles. Então eu digo que é importante para todos nós fazer o que pudermos e irmos nesses lugares entender o que está acontecendo".


I S2 Angelina!


EDITADO: Alguém poderia fazer o favor de pedir pro Submarino parar de mandar esses e-mails dizendo que o site inteiro está com frete grátis sem limite de valor no cartão Submarino? Eu vou a falência desse jeito. Tô pedindo "penico" já... assim não dá! Assim não tem condições!

7 comentários:

Bonitas e bacanas disse...

Concordo com vc, Lu.
Não sou nem uma nem outra (AMélia, muito mesmo, não sei nem ferve água. Sério. Uma vez queimei de tal forma a caneca que o síndico veio ver se precisava de ajuda ou dos Bombeiros. Outra vez explodi a panela de pressão fazendo feijão e o vizinho ouviu e veio ver se eu tinha me machucado. Feijão, nunca mais)

Até achei bacana isso que vc posta da AJ, mas não gosto dela. Acho que ela é mega falsa. Antes ela carregava sangue do marido e agora virou boa moça e tem 400 filhos? OK, a gente muda, mas os extremos não são bem demudança, né? Soam mais publicidade.

Bjsss

Bonitas e bacanas disse...

Lu, eu explodi, sim!
Ainda bem que não me aconteceu nada, mas o fogão afundou, tive que comprar outro, e o teto da cozinha teve que ser pintado.

OU seja, eu na cozinha, nunca mais...rs


Concordo com o que vc disse. Mesmo sendo publicidade ou não, algumas coisas valem a pena, sendo pro bem!!

BJssss

Van disse...

Como faz amore, tem muitos livros no site do submarino.

Erms disse...

A Angelina é jiraya mesmo, mas vc não fica muito atrás não.

Li os posts anteriores e ainda tô de cara com a treta do comentário anônimo.

Eu concordo que os comentários devem ser restritos, porque quem não quer dar a cara a tapa, que não se manifeste.

Pelo menos o(a) jovem tolo(a) aprendeu uma lição, como ficou claro no outro comentário dele(a), mas ela(a) ainda merece o fogo do inferno! *momento extremista radica*

Daniel disse...

A Jolie parece ser uma mulher realmente diferenciada, pelo que vemos por aí.
Acho que todo mundo tem o seu papel, seja homem ou mulher, cada um com suas qualidade e defeitos, é importante de alguma forma pro grupo e tal... embora muitas pessoas generalizem o oposto em classes.

Po, nem fala dessas ofertas do Submarino, Lu, esses dias mesmo cai na tentação de pegar um livro daqueles das promoções de 9,90, rsrs, difícil resistir. Minha mãe pegou uns pra ela aí, pra não perder a viagem, acabei pegando mais um pra acrescentar da minha pilha de livros aqui na fila pra ler, rs.

.:.A Luciana.:. disse...

Esse é o problema, Bond... existe uma fila de livros pra ler rs

.:.A Luciana.:. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.