Gostou de algum texto? Quer copiar o texto inteiro ou parte dele? Clique e saiba como fazer!

Licença Creative Commons
A obra Vagabond of the Western World de Luciana Alves Bonfim foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Uso Não-Comercial - Obras Derivadas Proibidas 3.0 Não Adaptada.
Com base na obra disponível em dontfearthereaper1981.blogspot.com.

Desejados!!!

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Carteira de motorista e bom senso urgente!!!!!

Pensa comigo: precisa de carteira de motorista pra qualquer meio de transporte motorizado, certo? Eu acho que deviam incluir a categoria NM - não motorizado!

Tá transportando alguma coisa, deveria ter carteira de motorista. Nem que for NM. Isso valeria pra várias coisas:
* bicicletas
* carrinhos de bebê
* carrinhos de recicláveis (catadores de papel)
* carrinhos de supermercado.

Principalmente carrinhos de supermercado.

Ô meu São Cristóvão, protetor dos motoristas, DAI-ME PACIÊNCIA!

É impressionante a quantidade de barbeiragens que a gente presencia num simples e inofensivo corredor de supermercado, que que é isso? Onde é que vamos parar?

Não basta os corredores serem apertados (oi, supermercado de cidade pequena?) , as pessoas insistem em parar os carrinhos no MEIO do maldito corredor apertado. Nem pra manter a sua direita esse povo presta. É tão... tão óbvio! Tão "evitador de problemas"! É tão mágico! É tão prova de boa educação e bom senso!

Ai, que infortúnio.

O pior é quando a pessoa fica lá, meia hora, escolhendo qual marca de leite desnatado vai levar - como se tivesse umas vinte marcas de leite, e não se toca que existe praticamente um engarrafamento no corredor. Parece que tem que deixar o carrinho no meio do "cruzamento" dos corredores da feira, se não, não tem graça ir fazer compras.

Não entra na minha cabeça que as pessoas não percebem esse tipo de coisa tão óbvia. As pessoas reclamam do quanto a vida é difícil, mas não fazem nada pra deixar o processo de fazer rancho (compras, pra quem não mora no sul do país) mais agradável. Não fazem NADA pra deixar ALGUMA COISA mais agradável na vida, é óbvio que a vida é difícil.

Pra aproveitar o embalo chiliquento, só queria dizer que vi o vestido que a menina da Uniban usava na noite em que foi esculachada pelos universiOTÁRIOS que estavam presentes. Sim, porque não dá pra chamar aquilo de universitário. É universiOTÁRIO na melhor das situações. Pelamordezeus, é um vestido comum, curto sim, insinuante sim, mas é um vestido que muita mulher gosta de usar durante qualquer hora do dia.

Pareciam um bando de punheteiros virgens cheios de espinha e cabelo na mão gritando PUTA, VAGABUNDA... Até parece que não ficaram pensando "ô lá em casa", hipócritas! E aquelas meninas rindo da cara da moça? Mulheres machistas! Como se elas nunca tivessem usado uma roupa daquelas - ou nunca tivessem morrido de vontade de usar! Mulher machista adora ver a outra se ferrar. Essas meninas que apoiaram os colegas universiOTÁRIOS devem ser santinhas do pau-oco ou vivem para lavar-passar-cozinhar-dar_sem_prazer.

Que nojo de gente assim!

Muitas pessoas vão dizer que a moça da Uniban "pediu" pra ser tratada daquele jeito e que universidade não é lugar de se vestir assim. Ah, por favor... ela saiu por aí falando "me xinguem"? Tinha algum cartaz proibindo saia curta? Não. No máximo, ela esperava assobios e cantadas, o que toda mulher adora - e se arruma pra isso. Já vi gente vestida com menos roupa em IGREJA, uai!

Problema é dela se ela é uma puta ou vagabunda mesmo. Problema é dela. Problema da SOCIEDADE quando pessoas que estão numa universidade
a) não sabem respeitar os direitos e escolhas individuais dos outros
b) canalizam tanta energia para uma coisa tão banal
c) incitam a violência (pra quem não sabe, alguns chegaram a sugerir que a moça queria ser estuprada!)

Problema da sociedade, pensem nisso!

Eu nunca usaria um vestido daquele. Por que eu acho um vestido "de puta"? Não, porque eu ficaria uma visão do inferno com um vestido daquele e NÃO TERIA SAPATO PRA COMBINAR AAAAAAAAAAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA... Antes de eu poder usar um vestido daqueles, eu teria que malhar muuuuuito, coitada de mim.

É isso:

Carteia de motorista NM URGENTE!
Bom senso URGENTE!

Ai, como eu reclamo...

2 comentários:

Bonitas e bacanas disse...

Lu, acho que somos a mesma pessoa!
Se não formos, iríamos dar muita risada odiando os outros.

Lu, eu quase enfarto, juro, em corredor de supermercado, fila de restaurante com gente burra e lerda, bicicleta maldita no meio da faixa. Lu, eu quase enfarto mesmo. Me dá um negócio, uma raiva, um ódio, uma fúria. Que gente BURRA!!!

É isso msm, reclamam que a vida é difícil e s;ó dificultam a vida alheia.
No trânsito, então, nossa. Juro pra vc que tenho vontade de espancar e matar pessoas. Não dá , meu. Tento ser tolerante, mas, poxa, porque tem gente tão burra e cretina no mundo?


Lu, eu queria muito ter visto o tal vestido e como começou essa confusão, mas seja como for o vestido ou o começo da confusão, se eu tivesse tais poderes daria pena de morte pra todo mundo. Gente ridícula, pequena. Concordo com vc na questão doh homens babacas e das mulhres machistas.
Não sei oq é pior, esse tipinho de homem ou esse tipinho de mulher sem auto estima, viu?

Bjss

Priscilla Watanabe disse...

Lu esse lance do carrinho de supermercado realmente é uma coisa que me tira do sério!
Um dia eu ainda vou descobrir qual é a magia que o supermercado excerce nas pessoas que as deixam completamente burras e sem noção.
A verdade é que o supermercado virou um parque de diversões para algumas pessoas.
Levam a família inteira para comprar um pão, vai a mãe, o sobrinho, a vó, o bebê e mais 5 crianças...

Outra coisa me irrita profundamente é na hora da fila... Não da fila em si, mas de algumas pessoas que as habitam.
Você fica lá pacientemente esperando 30 minutos para pagar 2~3 coisas e na sua frente tem uma família com um carrinho lotado de compras do mês, ai vai chegando a sua vez, você começa a se animar e pensa "opa ta chegando..."

Ai é quando você ouve uma voz (geralmente feminina)que vem ali das pessoas que estão na sua frente: "CARLOS, EU ESQUECI O BACON, VAI LÁ CORRENDO BUSCAR" ai vem o tal do Carlos te atropelando e tropeçando em você indo correndo buscar o Bacon, você já fica mais para o lado porque sabe que o Carlos vai voltar, e quando ele volta tromba em você novamente... PQPPPPPPPPPPPP

Enfim... supermercado definitivamente é o campeão dos locais que mais me irritam em pouco tempo.