Gostou de algum texto? Quer copiar o texto inteiro ou parte dele? Clique e saiba como fazer!

Licença Creative Commons
A obra Vagabond of the Western World de Luciana Alves Bonfim foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Uso Não-Comercial - Obras Derivadas Proibidas 3.0 Não Adaptada.
Com base na obra disponível em dontfearthereaper1981.blogspot.com.

Desejados!!!

domingo, 22 de novembro de 2009

Vestibular da Viadeste!

22 de novembro, vestibular da Viadeste... digo... Unioeste.

Ô prova do capeta esse vestibular. Não tem UM com quem eu não fale sobre a prova que discorde do fato dessa prova ter sido feita pelo capeta 666 from hell. Que ódio que eu passei lendo cada pergunta imbecil e inútil!!!!

O que interessa se um ovo é centroblástiseiláoque, hiperoblástidocaralhoaquatro, ectoblásticotomarnocu! Não tem gema? Não tem clara? Não dá pra fritar igual? Dane-se se o ovo é centro-hiper-ecto-sei-lá-oque! Quebra logo o ovo na frigideira e frita essa porra!

Falando sério... não é questão de não saber responder. É questão de ter umas perguntas do além, do nada, inúteis... porque um aluno do ensino médio passaria três anos se preparando pra responder esses tipos de perguntas? Uma pergunta idiota sobre angiospermas e similares que parece ter sido tirada do pós-doutorado do mais intelectual dos biólogos, dá licença! Que fossem perguntas mais simples! Eu nem saberia responder mesmo assim, mas coitado de quem tinha Biologia como matéria principal! E assim foi com Química, Matemática, Física... e esse ano nem História, Geografia e Português escaparam. Literatura, que eu estudei e reestudei e até li os contos e resumos e análises e consegui resolver a prova do ano passado sem olhar no gabarito (eram os mesmos livros), DEUZOLIVRE! PUTAQUEPARIU! Esse ano acho que eles pensaram assim: o tanto que estava fácil o ano passado, vai estar difícil esse ano.

Falando sério... a única prova que estava mamão-com-açúcar era a de Inglês: até uma besta quadrada conseguiria ter feito aquela prova desgraçada de fácil lá, mesmo passando mal depois de comer manga verde e tomar leite. Se foder! Como se não bastasse, as matérias específicas de português/inglês, apenas para o Campus de Marechal Cândido Rondon, continuam sendo PORTUGUÊS E LITERATURA. Dãp!

Assim que a prova for publicada, eu quero copiar uma questão IDIOTA de português, mal pensada, mal redigida, nada-a-ver com a paçoca... só pra vocês verem o quão idiota esse vestibular da Unioeste foi.

Eu sei que muita gente vai ler esse post e achar que é puro despeito de quem foi mal na prova e não vai passar. Zerar eu sei que não zerei, portanto não é despeito e ainda resta esperança. Mas vou te contar uma coisa: ô provinha desnecessária!

Alguém deveria ter avisado os caras que era um VESTIBULAR, e não uma prova de final de pós-doutorado, cacete!

Já avisei aqui em casa que, se não passar na Viadeste, vou fazer cursos de Maquiagem no Sebrae de Umuarama, talvez Manicure e Pedicure. Duvidam? Sabe quanto uma manicure/pedicure ganha pelo trabalho dela? Uma boa manicure/pedicure não sai por menos de R$20,00, enquanto eu ganho quase a metade disso pelo mesmo tempo de trabalho. Além do fato de que uma manicure/pedicure não precisa corrigir temas, não tem que lidar com pais sem-noção, ouve fofocas o dia inteiro...

Onde é que eu estava com a cabeça quando decidi que seria professora?

¬¬

4 comentários:

Vaneuza disse...

Nem com espírito incorporada essa prova fluiria...

Bonitas e bacanas disse...

Luuuuuuuuuuuuuuuuuuu, que saudades!!!
Preciso colocar a leitura aqui em dia. Pode deixar que vou fazer isso.

Que droga de prova, Lu. Aliás, falando em coisa inútil, quantas das coisas que precisamos decorar e que caem nessas provas são realmente úteis?? Poucas, né?
Ainda bem que já fiz esse lixo de vestibular, faz tempo. Lembro que na minha prova, da Cásper, caiu a seguinte interessantíssima pergunta: em qual quadra o Guga joga melhor??? Me mata, né? (Parece que a reposta é saibro, sei lá). Era na época em que o Guga tava no auge, mas eu não sabia e tbém não quero saber.

Bjsss

.:.A Luciana.:. disse...

Que horror de pergunta, Van! Nada a ver pra vida de uma pessoa! kkkkkk

Bruna Belatriz Brasil disse...

A UNIOESTE quer se fazer de dificil. Juro que um dia tento fazer vestiba lá (pq eu nunca tentei). Mas você não é a primeira pessoa que eu ouço dizer que o que as provas pedem é coisa de ensino superior pra cima. Professores meus já ficaram indignados com as provas de lá. Acho que os caras viajam demais tentando fazer com que o processo de seleção seja rígido e não sei mais o que ao invés de preocupar-se com a situação da universidade em si. Sim, porque é o cúmulo na falta de material o aluno ter que pipetar ácido super corrosivo com seringa rezando para que ela não derreta antes dele colocar o dito do ácido no recipiente. Toma vergonha na cara UNIOESTE!!!!!