Gostou de algum texto? Quer copiar o texto inteiro ou parte dele? Clique e saiba como fazer!

Licença Creative Commons
A obra Vagabond of the Western World de Luciana Alves Bonfim foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Uso Não-Comercial - Obras Derivadas Proibidas 3.0 Não Adaptada.
Com base na obra disponível em dontfearthereaper1981.blogspot.com.

Desejados!!!

domingo, 24 de outubro de 2010

A little bit Sheldon Cooper...

Eu sei, eu sei. Eu tô viciada em The Big Bang Theory. Shame on me. Culpem @vandaross e @ana_paula_kzl por isso. Damn it! Logo quando eu achei que já estava curada, depois de 6 temporadas de Lost!Se não fosse por essas duas, não teria tido vontade nem ânimo de começar a assistir outro seriado com mais de duas temporadas... OBRIGADA, OBRIGADA, OBRIGAAAAAADA!

E não é que, no final das contas, guardadas as devidas proporções, eu tenho um pouco do Sheldon Cooper? Hell, yeah. Vejamos...

Aquela necessidade de ter as coisas extremamente organizadas e em seus devidos lugares. Aquele desejo de ter o último lançamento de qualquer coisa do meu personagem favorito. Aquela inutilidade de saber falar sobre todos os personagens e feitiçoes de HP, sobre Hogwarts e suas casas, professores e matérias, e todas as regras do quadribol - mas ultimamente amarelar na frente de um cara de cabelo comprido! Aquela consciência interna da inabilidade de socializar com desconhecidos. Aquele deleite em fazer citações e piadas internas que só serão entendidas pelo (pequeno) círculo de amigos. Aquela mania de racionalizar tudo, de procurar explicações científicas para sentimentos, de recusar trocar o certo pelo duvidoso/aventureiro. Aquele mau hábito de preferir ficar em casa no computador do que pisar pra fora da porta de casa...

Bazinga!

Ohmyfuckinggod, eu não era assim!

Ohmyfuckinggod, como eu me divirto assistindo The Big Bang Theory! Guardadas as devidas proporções (II - a missão), essa série me faz lembra de quando estou junto com a @vandaross @emersonsocrates e @amandanoronha57. Olha aí um sheldoncooperismo: me referir a pessoas reais como se a vida real fosse igual à vida virtual!

Ás vezes eu sou tão, mas tão nerd, que tenho vontade de começar a assistir TBBT novamente, desde o primeiro capítulo, e ir anotando as pérolas do Sheldon, uma por uma - mas tem que ser em inglês, porque é mais fiel, tem mais graça, é tr00... enfim, é mais nerd!

Bom, depois dessa empolgação toda com coisas nerds, vou fazer uma coisa realmente legal e que me deixa deveras empolgada e emocionada: vou cadastrar os meus três mais novos livros no software para bibliotecas BOOKDB2. Sarcasm?

=]

P.S. eu estava aqui pensando, ao escolher os marcadores desta postagem, que os "marcadores" estão muito bagunçados. Fiquei me perguntando se não seria o caso de pensar em assuntos mais abrangentes, criar no máximo dez "marcadores" - todos enumerados, obviamente - reler todas as postagens e reclassificá-las  dentro destes dez marcadores...

Ok... parei.

Um comentário:

Daniel disse...

Po, Big Bang Theory é maneiro mesmo, kkkk, mas não curto muito o Sheldon, sei lá, ele tem algumas manias(pra ser sutil) kkkkkkk, meio enjoado. Eu acho mais comédia o Howard, kkkkkk, ele tem umas tiradas muito engraçadas.

Po, esse lance de organizar os marcadores é algo que me incomoda muito. A uns meses atrás organizei os lá do blog, mas ainda acho que não ficou 100%.